Dicas Práticas

Tudo o que você precisa saber sobre o Red Light District

Amsterdam é uma das cidades mais visitadas da Europa, sua arquitetura, história e principalmente o status de cidade tolerante atrai muitos turistas que, curiosos, buscam saber um pouco mais sobre ela. As vezes o passeio é curto, outras vezes pode ser bem mais prolongado, mas o que todos tem em comum é a “tal curiosidade” sobre o Red Light District, o famoso bairro da luz vermelha. Nós entendemos o porquê, esse bairro é cheio de vida, sempre vibrante e uma incrível mistura de culturas e crenças.

É por tudo isso que vamos destacar alguns pontos importantes que você precisa saber sobre o Red Light District.

Cohecendo o Red Light District

O Red Light District, é mais conhecido pelos moradores locais como De Rosse Buurt (a vizinhança vermelha) ou De Wallen (verdadeiro nome do bairro). O bairro fica bem na região central de Amsterdam, mais precisamente nos arredores da Praça Dam. É um lugar onde pessoas de todo o mundo se reúnem para celebrar a liberdade. A área está repleta de restaurantes, bares, coffeeshops, lojas especializadas em entretenimento para adultos e as famosas vitrines com as profissionais do sexo. Todo o conjunto torna o bairro o coração absoluto da vida noturna da cidade.

É por aqui que fica a famosa Warmoestraat, uma rua comercial peculiar com uma variedade de lojas e bares que merecem a visita durante a sua estadia na cidade. Bem ao lado do Red Light District você também encontrará a Chinatown de Amsterdam, com ótimos restaurantes asiáticos , supermercados, cafés e um templo.

DICA CONEXÃO: Se você quiser conhecer o bairro da melhor maneira possível, contrate nossos serviços de City Tour Guiado. Você vai se surpreender com os pequenos detalhes que quase ninguém sabe, além claro, de conhecer um pouco mais sobre a história do bairro que vai muito além do que vemos hoje. Para contratar nossos guias especializados, basta entrar em contato através do contato@conexaoamsterdam.com.br

O que fazer no Red Light District

Embora seja muito curioso e intrigante, há muito mais para fazer no bairro do que ir aos peepshows, sex shops e bordéis. O “dia” nesta parte da cidade começa tarde, por isso o ideal é visitá-lo na parte da tarde, em torno das 16h. Por aqui você pode visitar o Museu Allard Pierson , o Museu Nosso Senhor no Sótão , o Museu da Prostituição ou o Museu Erótico.

É por aqui, no Red Light District, que fica a igreja mais velha de Amsterdam, a Oude Kerk. A antiga igreja católica que se tornou protestante é datada do ano de 1200 e conta um pouco da história de quando Amsterdam não era mais do que algumas fileiras de casas ao longo do rio Amstel. A cidade se expandiu ao longo dos anos com novos canais usados ​​para transporte e defesa. A passagem de marinheiros e comerciantes durante esse tempo trouxe um grande número de profissionais do sexo para a área e eles acabaram ficando por aqui, desde então.

Algumas regras precisam ser respeitadas

  • Não tire fotografias das mulheres nas vitrines! Não importa o quanto você esteja animado em mostrar às pessoas em casa (ou nas redes sociais) onde você está, fotografar as garotas não é permitido. Não se surpreenda se alguém jogar o seu telefone na água caso você faça isso, as pessoas na área não gostam de ter sua imagem no Instagram. Estar nas vitrines não significa que as meninas querem ser fotografadas ou filmadas.
  • Não beba em excesso! Apesar de ser um dos poucos bairros onde a bebida alcóolica é prmitida nas ruas (com placas que indicam isso), ficar bêbado por aqui só vai trazer mais problemas para você. Lembre-se de que você está em um bairro normal da cidade,  as pessoas vivem e trabalham aqui, quando você fica um pouco “desordeiro”, digamos assim,  a polícia local pode intervir sem problema nenhum. Observe que eles estão sempre por ali, seja dia ou noite. Se quiser beber, desfrute de suas bebidas no bar e se estiver um pouco mais animado, se contenha quando sair pelas ruas do Red Light District.
  • Não compre nada nas ruas! Obviamente não precisaríamos dizer isto para você, mas é sempre bom lembrar dos avisos que a própria prefeitura distribui nas ruas. Fique longe de qualquer um que venda mercadorias nas ruas. Quer se trate de drogas, uma bicicleta ou algum outro produto. Não compre ou você estará agindo contra a lei.
  • Cuidado com os batedores de carteira! Como você já deve saber, onde há movimentação intensa, há um batedor de carteira. Isso acontece em qualquer lugar do mundo. Por isso, se você for visitar o Red Light District durante à noite, fique atento aos seus pertences. Saia sem bolsas grandes e mantenha seus documentos, dinheiro e cartões em algum bolso que seja mais visível para você. Não é preciso ficar com medo, o bairro é um dos mais policiados e com mais segurança nas ruas, fique tranquilo. Apesar disso, respeitar os avisos é sempre a melhor opção.

Onde comprar no Red Light District

Recentemente o governo holandês decidiu dar uma repaginada, digamos assim, na imagem do Red Light District. Por isso, é muito comum andar pelas ruas e ver muitas opções de lojas ao redor. O bairro está repleto de boutiques e lojas conceituais que vão estimular qualquer comprador. Os fanáticos por tênis vão adorar a loja Patta, internacionalmente conhecida. Procurando o presente perfeito? Dirija-se a Anna + Nina para jóias incríveis, pequenos itens para presentes e design de interiores. Bem pertinho do Red Light você encontrará a maior loja de departamentos de luxo de Amsterdam: De Bijenkorf. Este edifício icônico na Praça Dam é repleto de marcas sofisticadas de moda, beleza e interiores. Com shop-in-shops da Louis Vuitton, Gucci, Chloé e muitos mais.

Onde comer no Red Light District

O bairro é cheio de restaurantes de qualidade que oferecem todos os tipos de cozinhas. Dos melhores restaurantes asiáticos até hambúrgueres. Na Nieuwmarkt você vai encontrar uma grande selecção de cafés, restaurantes e coffeeshops que rodeiam a praça.

Omelegg

É o lugar ideal para o café da manhã durante todo o dia. É a primeira omeleteria de Amsterdam e por aqui você vai encontrar um cardápio tão delicioso que vai ser impossível não esperar na gigante fila do outro lado da claçada. Mas fique tranquilo que ela anda rápido!

Endereço: Nieuwebrugsteeg 24 – Amsterdam
Site: http://omelegg.com/

De Laatste Kruimel

Doces saborosos e sanduíches que você vai querer comer até a última migalha. É o local perfeito para o café da manhã antes de explorar a área ou para um almoço bem diferente. Com uma longa lista de sanduíches para escolher e doces deliciosos, você certamente vai satisfazer os seus desejos aqui.

Endereço: Langebrugsteeg 4 – Amsterdam
Site: http://www.delaatstekruimel.nl/

Oriental City

O restaurante é conhecida por servir alguns dos melhores Dim Sum da cidade. Aqui você vai encontrar pratos cantoneses como Crab, Stir Fries e pato assado à Pequim, todos preparados com ingredientes e métodos de preparação autênticos. Nos finais de semana, muitas vezes é lotado, com a possibilidade de você ter que esperar na fila antes de se sentar. Definitivamente vale a pena a curta espera se você ama autêntica cozinha cantonesa e Dim Sum!

Endereço: Oudezijds Voorburgwal 177 – Amsterdam

Cut Throat

Uma mistura de barbearia, cafeteria, um bar de coquetéis e uma lanchonete all-in-one. Então, se você quiser qualquer uma dessas opções, seu lugar é aqui. Aproveite as especialidades como Huevos Rancheros, hambúrgueres e panquecas, ou prepare-se para o dia com Chicken Waffles e Bloody Mary.

Endereço: Beursplein 5 – Amsterdam
Site: https://www.facebook.com/CutThroatBarber/

Blaauw aan de Wal

O restaurante está localizado em um pátio encantador, oferecendo deliciosos pratos sazonais e vinhos de qualidade. A cozinha é inspirada em produtos sazonais e alguns dospratos favoritos no cardápio são os mariscos escoceses, o risoto Vialone Nano, o robalo selvagem e a carne de porco ibérico.

Endereço: Oudezijds Achterburgwal 99 – Amsterdam
Site: http://www.blauwaandewal.com/

Mappa

O Mappa é aquele restaurante com comida caseira italiana pura e sensata. Eles preparam tudo em seu próprio estilo único e de renome, mantendo sempre o modo italiano de preparo. O menu que muda regularmente tem uma incrível variedade de pratos de massa, bem como alguns antipastos e especialidades de peixe e carne. A carta de vinhos no Mappa é predominantemente italiana, desde pequenos vinhedos na Puglia até grandes mestres do vinho, como Walter Massa.

Endereço: Nes 59 – Amsterdam
Site: http://www.restaurantmappa.nl/welkom-eng

Bares e coffeeshops no Red Light District

Como você provavelmente sabe, os Coffeeshops não são os melhores lugares para entrar e pedir um café e uma fatia de bolo, a menos que você procure pelo Spacecake. Coffeshops são os lugares onde você pode comprar e consumir a Cannabis e o Hashish (Haxixe). A maioria dos lugares tem uma atmosfera relaxante e aconchegante que serve comida e bebidas também, mas lembre-se de que o foco principal aqui é outro. Se você quer conhecer alguns dos mais famosos Coffeeshops, passe pelo The Bulldog, De Jolly Joker e Greenhouse. Mesmo que você não esteja pensando em consumir nada, vale a pena dar uma olhada lá dentro.

Agora, se você procura por bares, visite o Menagerie de Rosalia para coquetéis incríveis ou vá até a taverna de degustação Wynand Fockink para algumas ótimas degustações de cerveja e destilados. Para uma saída noturna ativa? O Ton Ton Club é um playground para os jovens de coração. Este café arcade tem todos os jogos que você pode imaginar e serve boa comida de bar e bebidas para tornar a sua noite completa. E para terminar a noite com uma temática 100% adulta, o famoso Erotic Banana Bar é o lugar perfeito. Muitas despedidas de solteiro acontecem por aqui. Um peep-show (shows pelas vitrines) também é imperdível para quem estiver disposto. Na Casa Rosso você pode ver este show de sexo ao vivo em 2 minutos por 2€.

MAIS CONEXÃO AMSTERDAM

Vale a pena lembrar que além de dicas, serviços personalizados como ensaios fotográficos em Amsterdam e roteiros personalizados para Amsterdam, nós também preparamos para você o Guia de Túristico de Amsterdam. O Guia do Conexão Amsterdam conta com várias dicas práticas e dicas da cidade selecionadas por quem realmente conhece Amsterdam, para você. O Guia já foi vendido para mais de 500 leitores como você e o preço é apenas 7,99 euros! Todos os detalhes sobre o guia e uma amostra grátis podem ser encontrados AQUI!

1 Comment

Leave a Comment